cheap love, sheet's love, shit love





P.S. Para voltar à "home" ou sair, clicar no símbolo em baixo:

terça-feira, março 29


Afogas-te nos ossos que Deus não te deu, lamuriando a religião que o mundo te fez assumir. Não pensas, não sonhas. Derivas antes que fiques derivado. Derivado como o português? Não, nada disso.
Palavras, actos e omissões derivados do latim. Então derivados de mim? Ou de outréns?
Que interessa ou quem quer saber, se é que tudo é relativo e ninguém diz o que exercer sobre tudo, mas mesmo tudo o que há para fazer.
Fartei, sumi, morri, evaporei, nasci, bebi, avaliei e decidi: não, hoje já não vale a pena.

3 Oh Leopold!:

Anónimo disse...

Olá Miguel,

http://www.youtube.com/watch?v=bdQ7DzP1-eY&feature=related

Até à próxima.

Lipincot Surley disse...

parabéns pelos textos!
you're added

Carolina disse...

tenho saudades de ler qualquer coisa tua. que é feito de ti?

Enviar um comentário

fajsdçlkajsdlaçj (Y)